A Asus atualizou o seu portfólio de smartphones ZenFone com o Max (M1), um equipamento que aposta sobretudo na autonomia ao oferecer uma generosa bateria de 4.000 mAh. O dispositivo pode ser utilizado como power bank para alimentar outros aparelhos, potenciado pela tecnologia PowerMaster, um sistema inteligente que otimiza a vida da bateria.

Indicado para consumir conteúdos multimédia, o modelo apresenta um ecrã de 5,5 polegadas, mas a sua moldura fina torna-o compacto, semelhante aos equipamentos de 5 polegadas. O ecrã HD debita imagens com uma resolução de 720x1440, com um rácio de 18:9.

O smartphone apresenta um sistema de duas câmaras traseiras. A principal tem um sensor de 13 MP e uma lente de abertura f/2,0. Esta promete capturar fotografias mais brilhantes e focar objetos em movimento em três segundos, graças ao seu sistema de autofoco PDAF. A câmara secundária destina-se a captar um cenário mais amplo, fotografando cenas em 120º, ideal para incluir mais elementos da paisagem ou pessoas no quadro.

Para os amantes de selfies, a câmara frontal tem uma abertura f/2,2. O equipamento é um dos primeiros da coleção ZenFone a oferecer reconhecimento facial para desbloquear o sistema.

O ZenFone Max chega ao mercado em duas cores: preto “mar profundo” e dourado “luz solar” por um preço de 230 euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.