O Elite Dragonfly apresentado em setembro pela HP é o primeiro portátil fabricado com plásticos do oceano. Com um peso inferior a 1kg, o invólucro que protege o sistema de som do convertível profissional foi concebido com 50% de plástico reciclado.

A par deste dispositivo, a marca concebeu ainda outros dois modelos com plásticos de oceano, o HP EliteDisplay E273d, considerado o primeiro monitor do mundo fabricado com este material reciclado, e os tinteiros originais HP, concebidos com garrafas de plástico recolhidas no Haiti.

Com 13 polegadas, a bateria do computador pode durar 24 horas segundo a fabricante, integrando um processador de 8ª geração da Intel com a tecnologia vPro.

Plástico no mar não tem solução? Tecnologia de recolha na "Ilha do Lixo" testada com sucesso
Plástico no mar não tem solução? Tecnologia de recolha na "Ilha do Lixo" testada com sucesso
Ver artigo

Membro do Next Wave Plastics, um consórcio de empresas que trabalham em conjunto para manter o plástico fora do oceano e integrado na economia, a HP assegura em comunicado que já reciclou mais de 35 milhões de garrafas de plástico e mais 450 mil toneladas de plásticos do oceano no Haiti para utilização nos seus produtos.

Quanto a perspetivas de futuro, a empresa diz assumir o compromisso de incluir plásticos do oceano em todos os novos desktops e portáteis HP Elite e HP Pro apresentados em 2020.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.