A consultora IHS Markit estima que os óculos de realidade virtual da Samsung vão continuar a liderar o mercado em 2017, alcançando vendas de 4,1 milhões de unidades e consolidando o avanço que tinha garantido com o modelo desenvolvido em parceria com a Oculus que agora está integrada no Facebook.

A Samsung fez uma campanha intensa com os Gear VR no lançamento do Galaxy S7 e está a continuar a oferecer os óculos em conjunto com o S8, recentemente lançado, mas não no mercado europeu, onde parece ter desinvestido nesta área.

A plataforma Daydream que a Google apresentou no ano passado devera chegar a 2,23 milhões de unidades vendidas em 2017, depois de ter ficado pelas 120 mil em 2016, mas embora o crescimento seja impressionante parece não ser suficiente para fazer abalar a liderança da Samsung.

Algumas das especificações de topo que a Google definiu para a plataforma Daydream, como a obrigatoriedade de usar ecrãs OLED, pode contribuir para o arranque mais lento na materialização da oferta de outros fabricantes. Recorde-se que para já apenas os smartphone Pixel da Google são compatíveis com os Daydream.

Daydream View: o headset de realidade virtual da Google já chegou
Daydream View: o headset de realidade virtual da Google já chegou
Ver artigo

Há ainda outros concorrentes no mercado e as opções estão a avançar rapidamente à medida que outros players optam por juntar os óculos de realidade virtual aos smartphones, em dispositivos 2 em 1. E a entrada de novos concorrentes pode fazer balançar o mercado, avisa a IHS Markit.

tek ihs vr

Os Sony PlayStation VR, os Oculus Rift e os HTC Vive são também opções no mercado para quem procura soluções de realidade virtual mas não estão ligados a smartphones e concorrem numa gama mais alta, e mais cara, com maior ligação ao mundo dos jogos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.