Os pagamentos efectuados através de cartões contactless Mastercard e Maestro teve um crescimento exponencial (mais 145% que no ano anterior), o que reflecte a adesão dos europeus a novos métodos de pagamento e revela confiança na tecnologia contactless.

Com a preocupação de fraude nesta forma de pagamento a baixar 24 % em relação ao ano anterior, cerca de um quarto (24%) dos europeus mostram-se disponíveis para aderir à ideia de fazer pagamentos com os seus wearables. Os utilizadores holandeses são os mais confiantes nestas tecnologias e os que já usam de forma massiva este método de pagamento (41%).

Nesse sentido, o banco holandês ABN AMRO, em parceria com a Mastercard, vai apresentar um projeto piloto do qual farão parte 500 clientes, de diferentes faixas etárias, e que vão poder testar pagamentos contactless através de wearables como anéis, relógios, pulseiras ou porta-chaves. Segundo a empresa, o ABN AMRO será um dos primeiros bancos a nível mundial a permitir pagamentos através de wearables.

A Holanda foi o país escolhido para o lançamento deste projeto piloto porque, de acordo com o ABN AMRO, 80% dos terminais instalados nos pontos de venda já aceitam pagamentos contactless e mais de 50% dos pagamentos efectuados são-no através da tecnologia contactless.

Também os comerciantes estão interessados em aderir aos pagamentos contactless, o que se reflete no crescimento de 42%, face ao ano anterior, no número de comerciantes que já aceita esta forma de pagamento, equivalendo a 38% do total das transações efetuadas em lojas.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.