Um sucesso: assim se pode descrever a primeira venda-relâmpago do BQ Aquarius E4.5, o primeiro smartphone com Ubuntu. As vendas aconteceram entre as 8h e as 17h da passada quarta-feira e os equipamentos disponíveis esgotaram em poucas horas, levando até a uma reposição de stock.

Apesar das especificações modestas, com 1 GB de RAM e um processador MediaTeK de quatro núcleos a 1,3 GHz, a verdade é que o sistema operativo Ubuntu levou milhares de pessoas a ficarem coladas ao ecrã na passada quarta-feira, dia 11 de fevereiro, para tentarem adquirir o equipamento, à venda exclusivamente no site da fabricante espanhola.

Às 10:21 horas em Portugal Continental, pouco mais de duas horas depois do início das vendas, a Ubuntu publicou um aviso no Facebook a alertar para a rutura do stock e para a sua reposição num momento mais tarde nesse dia.

Além disso, a marca desculpou-se pelo facto de os seus servidores não terem suportado os cerca de 12 mil pedidos recebidos por minuto - feitas as contas, foram feitos quase 1,7 milhões de pedidos/acessos nas primeiras duas horas.

A segunda ronda de vendas, que começou às 14 horas portuguesas, durou apenas nove minutos. O TeK contactou tanto a BQ como a Canonical, responsável pelo desenvolvimento do Ubuntu, mas não conseguiu obter informações relativas ao número de smartphones vendidos.

Contudo, fonte oficial da BQ diz que, possivelmente, "haverá mais algumas flash sales ao longo desta e próxima semana".


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.