Está aprovado o standard (ou Recomendação) para a Televisão Ultra HD, ou UHDTV (Ultra High Definition TV), anunciou a União Internacional das Telecomunicações, que levou a cabo o desenvolvimento da norma em colaboração com peritos da indústria televisiva, organizações de radiodifusão e entidades reguladoras do sector.

"A Recomendação representa um importante avanço na transmissão televisiva, criando um ambiente integralmente novo em matéria de transmissão televisiva, com o advento da Televisão de Ultra Alta Definição", escreve a ITU num comunicado publicado no site oficial.

O novo standard promete imagens com uma definição 16 vezes superior às atualmente possíveis com a televisão HD. Será implementado em duas fases, explica a União Internacional das Telecomunicações.

Atualmente, as imagens HD têm entre 1 a 2 megapixéis de resolução, detalha a organização, numa primeira fase da implementação da UHDTV estes níveis passarão para o equivalente a 8 megapixéis (sistema de imagem 3.840 x 2.160, ou de "4K") e posteriormente para os 32 megapixéis (sistema de imagem 7.680 x 4.320, ou de "8K").

"Estamos, claramente, perante uma grande conquista (…), da qual nos podemos orgulhar. Esta Recomendação significa que as organizações em todo o mundo podem agora começar a trabalhar, em segurança, para tornar a UHDTV uma realidade", afirmou Christoph Dosch, presidente do Grupo de Estudo 6 ITU-R, responsável pelo projeto.

As potencialidades dos novos sistemas propostos são explicadas pela ITU num vídeo de apresentação, que disponibilizamos abaixo.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.