A equipa de basebol coreana SK Wyverns, atual detentora da liga, tem como mascote a criatura mitológica Wyvern, uma espécie de dragão, que dá nome ao clube. Durante a partida inaugural da edição de 2019 do campeonato, no último mês de março, a organização criou um espetáculo inédito no seu estádio SK Happy Dream Park: libertou, “literalmente”, um dragão pelo ar.

A mascote do clube, em formato gigante e em 3D, foi mostrado no enorme ecrã LED das pontuações, não só a voar, como a interagir com o próprio monitor, como outras estruturas o estádio. O melhor é que a criatura era interativa, já que os adeptos podiam utilizar uma aplicação de smartphone. Os fãs que assistiram o jogo pela televisão ou qualquer outro dispositivo também tiveram direito à experiência de realidade aumentada.

A empresa que desenvolveu o dragão utilizou tecnologia produzida por si de realidade virtual e realidade aumentada, suportada pela plataforma eSpace, que permite replicar o mundo real num ambiente virtual. O sistema foi conjugado com uma outra plataforma que permite que o conteúdo de realidade aumentada seja criado e partilhado facilmente.

Os dados massivos da tecnologia foram utilizados para testar a capacidade do 5G a fazer streaming de realidade aumentada. Mas veja o impressionante vídeo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.