A Lenovo é uma das marcas que mais tem apostado na IFA nos últimos anos e as apresentações são sempre acompanhadas com uma gama robusta de produtos que normalmente a marca não demora a colocar nas lojas, antecipando assim uma época de natal com novidades que justificam as vendas que (habitualmente) crescem nesta época do ano.

A estratégia tem resultado e a combinação entre design e performance, com um foco especial na funcionalidade tem resultado na liderança de vendas e num crescimento invejável no mercado de computadores pessoais. O objetivo é criar o desejado efeito “UAU” mas também garantir que os clientes têm em mãos um produto durável, e à prova de modas passageiras. “Todos os anos há desafios diferente e novas formas de conseguir o UAU. Não acho que chegámos ao fim, há sempre novas interações de utilizadores”, explicou aos jornalistas Brian Leonard, VP do Experience Design Group numa sessão antes do Tech Live.

E o que andaram os designers e engenheiros da Lenovo a trabalhar nos últimos meses? A resposta está nos novos Yoga e Yoga Books, mas também numa nova versão do ThinkPad X, Chromebooks e equipamentos para smart home. Há também uma nova cor, a  Mica. Alguns destes equipamentos chegam ao mercado já em setembro, mas outros só vão começar a chegar às lojas em novembro e dezembro. E no caso dos dispositivos para smart home ainda não há datas finais para o mercado europeu.

No Yoga a tendência é tornar-se cada vez mais uma marca premium, liderando na redução da espessura, mas sem comprometer o desempenho. Os portáteis são pensados para clientes urbanos, que valorizam a inovação, conveniência, design e duração da bateria e o modelo mais inovador é o Yoga Book c930, que herda os conceitos do anterior modelo mas agora dispensando a utilização do papel e apostando num segundo ecrã e-ink que pode ser transformado em bloco de notas, teclado com resposta dinâmica ou leitor de e-books.

Mais portátil mas com capacidade de desempenho reforçada com processadores Intel Core i5 (melhorando uma área onde a versão anterior falhava), 4GB de RAM e SSD de 256 GB, o Yoga Book C930 tem um ecrã de 10,8 polegadas QHD e abre como “por magia” com um duplo toque na tampa. Pesa apenas 775 gramas mas tem bateria para durar cerca de 8,6 horas em utilização. O preço é de 999 euros e chega às lojas em setembro.

O Yoga Book pode ser o que chama mais atenção, mas a “cereja no topo do bolo” da gama é o Yoga C930, tão flexível como é habitual nesta gama mas com algumas novidades de luxo, como a barra de som totativa com Dolby Atmos para acompanhar os movimentos acrobáticos do portátil. O equipamento é “alimentado” por processadores Intel Core de oitava geração e tem uma caneta que está alojada dentro do equipamento quando não é precisa, um toque importante para quem não quer perder este acessório. O ecrã de 13,9 e qualidade UHD tem uma moldura mais fina e o peso total não chegar aos 1,4 kg. Como não podia deixar de ser o preço também é um bocado luxuoso: 1.499 euros e quem quiser já pode comprar a partir de setembro.

Entre os modelos lançados, vale a pena dar nota também de uma mudança, ou experiência, feita com o Yoga C630 WOS. O portátil estreia o processador Snapdragon 850 da Qualcomm para portáteis e que quer combinar o melhor do Windows 10 para notebooks com o conceito de mobilidade do smartphone, integrando ligação LTE e garantindo até 25 horas de utilização de vídeo. Só vai chegar às lojas em novembro, e o preço é de 999 euros.

No bolso da Lenovo há ainda novos Chromebooks e Legion, mas os fãs da marca ThinkPad, herdada da IBM, vão certamente olhar primeiro para o novo ThinkPad X1 Extreme e a sua combinação elegante de design e poder, que é mais relevante para quem gosta de jogar nas horas vagas (ou mesmo durante o horário de trabalho). O novo portátil da Lenovo tem uma gráfica NVIDIA GeForce e a oitava geração de processadores Intel, e o ecrã suporta 4K e Dolby Vision HDR. A bateria tem tecnologia de carregamento rápido, atingindo os 80% em apenas 60 minutos, e pode contar com as características de segurança a que a marca já habituou os utilizadores, como a tampa da câmara de vídeo e o reconhecimento de impressão digital. O portátil está no mercado europeu já no próximo mês e o preço começa nos 1.695 euros, mais IVA.

Realidade Aumentada e casas mais inteligentes

Para além dos computadores a Lenovo deixou bem clara a sua estratégia de evoluir como uma empresa de tecnologia, posicionando-se nos vários sectores da Cloud, infraestrutura e equipamentos, que designou como “Intelligent Transformation”. A nova família de produtos Lenovo Smart Home Essentials parte do sucesso que foi o lançamento do Lenovo Smart Display no mês passado nos Estados Unidos e completa a gama com uma tomada inteligente, uma lâmpada e uma câmara de vídeo. Tudo ligado com uma app, a Lenovo Link.

O Smart Display, que junta um assistente digital com um ecrã com o qual pode interagir e fazer videochamadas, vai chegar ao Reino Unido ou outubro e o objetivo é alargar a disponibilidade a outros países, embora a Lenovo não divulgue datas nem destinos. Os 3 “essenciais” vão ser comercializados primeiro nos Estados Unidos com preços a partir de 29 dólares (para a smart plug e smart bulb) e tudo indica que possam ser vendidos a partir do próximo ano na europa.

Um dos principais lançamentos do ano passado na IFA continua sem chegar a Portugal, mas a Lenovo tem este ano uma “renovação” da experiência Star Wars: Jedi Challenges nos dispositivos Lenovo Mirage e a possibilidade de jogar com o lado negro da força, como Kylo Ren. Com sabre de luz “optimizado” e tudo. O Kit de realidade aumentada tem agora um preço mais baixo, a partir de 179 euros, e o upgrade para a Dark Side Expansion é gratuito, mas quem quiser comprar o sabre de luz tem de pagar mais 99 euros.

Acompanhe todas as novidades da IFA 2018 com o SAPO TEK. Já estamos a "esmiuçar" as primeiras conferências e os stands nos Press Days e vamos trazer os anúncios mais importantes e mais curiosos da exposição.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.