A superfície da Terra e o seu movimento à noite têm sido capturados pelo radar de abertura sintética (SAR, na sigla em inglês) da ICEYE, que já tem imagens para mostrar. De Tóquio a Las Vegas, a empresa finlandesa divulgou vídeos que mostram a capacidade do recurso em analisar o movimento da superfície ao capturar imagens de satélite independentemente da altura do dia ou das condições meteorológicas, nomeadamente com céu nublado, ao contrário dos satélites óticos.

Na compilação dos vídeos é inclusive possível ver o movimento de uma embarcação, de aviões nos aeroportos e camiões a deslocarem-se numa estrada. Por outro lado, as imagens mostram ainda de que forma grandes edifícios nas cidades refletem ondas de rádio de diferentes ângulos, à medida que o satélite passa pela área. Um porto em Busan, na Coeria do Sul, o Heathrow Airport em Inglaterra, Las Vegas, a mina Bingham Canyon nos Estados Unidos e Tóquio aparecem por ordem no vídeo.

Mas de que forma é que a ICEYE consegue garantir que isso acontece com o radar ao passar uma única vez pela área? Em comunicado, a empresa explica que gerar vídeos SAR através dos satélites é possível através de um foco inicial num único local de precisão durante 20 segundos ou mais. Os dados são depois processados em vários frames de alta resolução, em vez de numa única imagem.

Em comunicado, Pekka Laurila, cofundadora da empresa, garante que a capacidade de gerar vídeos SAR a partir de uma única passagem do satélite é um "recurso interessante" para a análise avançada de movimento de imagens de radar. Já Mark Matossian, CEO da subsidiária americana da empresa, afirma que os dados do SAR serão úteis para "orientar os analistas a moverem objetos para uma análise técnica mais profunda".

No comunicado, a empresa garante ter desenvolvido as técnicas utilizando o seu próprio hardware de satélite e software de processamento e que os vídeos são os primeiros de um operador espacial comercial. A notícia surge depois de em 2019 a ICEYE ter revelado as primeiras imagens de satélite do planeta terra com menos de um metro de resolução, também com recurso ao SAR.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.