Saltinho, a saltinho, a SpaceX tem vindo a fazer importantes testes do Starhopper, o protótipo do foguetão de testes da Starship, a ambiciosa nave que Elon Musk quer enviar para o espaço. A empresa tinha uma janela de lançamento para toda a semana, de 26 a 29 de agosto, mas o primeiro dia ficou marcado por um cancelamento ao último minuto, devido a um mau contacto na ignição, adiando a operação para o dia seguinte. Aliás, adiamentos é a palavra associada ao lançamento do pequeno Starhopper.

Mas desta fez aconteceu mesmo, o veículo deu o salto e deslocou-se ao longo de cerca de 150 metros, sem qualquer contratempo, como pode ver no vídeo em baixo.

O teste decorreu em Boca Chica, perto da fronteira com o México, com as autoridades locais a fazerem circular notas à população sobre as operações espaciais. Faz exatamente um mês que o Starhopper deu o seu maior “salto”, de 20 metros, concluindo com sucesso os planos da SpaceX, depois de contratempos em testes anteriores que levaram mesmo o motor Raptor a incendiar-se. Para o novo “salto”, a FAA elevou um pouco mais a fasquia e autorizou um salto de 25 metros (82 pés).

O pequeno Starhopper tem sido utilizado para continuar a desenvolver e melhorar o motor do foguetão Raptor, que será utilizado futuramente em voos mais ambiciosos, na Starship que pretende levar o Homem a Marte. E havia grandes expetativas para este novo teste, já que se corresse como planeado, Elon Musk iria fazer a apresentação pública do Starship MK1, já com os três Raptores instalados, as “barbatanas” e o equipamento de aterragem instalados, em meados de setembro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.