O eventual anual The Game Awards é já um misto de emoções, por um lado os prémios das diferentes categorias que distingue os melhores do ano, que esta edição distinguiu Sekiro: Shadows Die Twice. Por outro, as editoras e fabricantes de consolas já reservam o evento para fazer grandes anúncios. E este ano, o evento foi o palco escolhido pela Microsoft para revelar e mostrar oficialmente a sua próxima consola, a Xbox Series X.

Ao todo foram revelados mais de uma dezena de novos títulos. Veja na galeria todos os anúncios.

Mas estes foram apenas a ponta do icebergue de novas propostas interessantes previstas para o próximo ano, não só para a geração atual de consolas, como os primeiros títulos da PS5 e Xbox Series X. A nova consola da Microsoft vai receber a sequela do excelente Hellblade: Senua’s Sacrifice, agora batizado de Senua’s Saga: Hellblade 2, produzido pela Ninja Theory, estúdio recentemente adquirido pela Microsoft. O trailer serve de teasing da potencialidade gráfica da consola, mostrando uma sequência em torno de um ritual tribal feito pela tribo de Senua. Veja o vídeo em baixo.

Uma das surpresas da noite foi a presença de Vin Diesel e Michelle Rodriguez no palco para apresentar (e confirmar os rumores) do videojogo baseado no universo Fast & Furious. Chama-se Crossroads e vai chegar no próximo ano, a tempo do novo filme da saga de carros. De recordar que o jogo está a ser produzido na Slightly Mad Studios, que foi adquirido recentemente pela Codemasters, ainda que este jogo seja editado pela Bandai Namco, face a anteriores compromissos.

O trailer, que pode ver abaixo, mostra o veículo icónico de Dominic Toretto (Vin Diesel) e outros carros de luxo em perseguições repletas de ação. Para além da confirmação das personagens Dom e Letty, também Roman Pearce (Tyrese Gibson) vai estar presente no jogo.

A Riot Games, que este ano comemorou o 10º aniversário de League of Legends, prometeu diversos títulos baseados no universo do mais famoso MOBA. Durante o The Game Awards mostrou dois deles: Ruined King e CONV/RGENCE, ambos ligados à narrativa A League of Legends Story.

Ruined King é um RPG por turnos desenvolvido pela Airship Syndicate, estúdio de Joe Madureira, responsável por Darksiders Genesis, e será focado na história do universo LoL. O jogo passa-se depois dos eventos das Burning Tides, em que os jogadores vão poder controlar champions do LoL e explorar, pela primeira vez, a cidade de Bilgewater e as misteriosas Shadow Isles.

Já CONV/RGENCE é um jogo de plataformas em desenvolvimento pela Double Stallion Games. O jogador assume o Champion Ekko pelo mundo de Zaun. O jovem inventor tem um dispositivo para manipular o tempo. Estes são os dois primeiros títulos baseados em League of Legends, geridos pela Riot Forge, a nova sucursal da empresa dedicada à distribuição de títulos baseados no universo, produzidos por estúdios externos.

Revelado para PC, e considerado o primeiro anúncio para a PlayStation 5, Godfall é um “looter-slasher” produzido pela Counterplay Games para o catálogo da Gearbox Studios. Trata-se de um jogo de ação na terceira pessoa, baseado num mundo de fantasia, que vai chegar ao mercado no Natal de 2020, bem a tempo do lançamento da próxima consola da Sony.

O jogo promete combates com espadas intensos e repleto de impacto. Os jogadores terão de procurar tesouros e espólio dos inimigos, em busca de sets de armaduras lendárias, para se preparem para bosses poderosos. O estúdio refere que será possível jogar a solo, ou acompanhado de mais dois amigos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.