Investigadores da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, conseguiram criar o mais pequeno robot comandado à distância, alguma vez inventado, segundo os próprios. Tem o aspeto de um mini-caranguejo - também se desloca sobre uma espécie de pinças/pernas - e é tão pequeno que consegue passear-se na espessura de uma moeda de cêntimo.

Mas a inovação não está no tamanho do invento, mas no facto de poder ser comandado à distância, sem fios e sem precisar de qualquer tipo de ligação física. Os resultados da investigação foram já publicados e detalhados no jornal Science Robotics. Há também um vídeo a mostrar este pequeno dispositivo com meio milímetro de largura, que se desloca a uma velocidade de cerca de metade do seu comprimento corporal a cada segundo, em ação.

Para conseguir criar um dispositivo tão pequeno, e fazê-lo mover-se, foi preciso adotar uma abordagem inovadora e substituir os componentes tradicionais de um robot deste género, por outros. No caso, é usada uma liga moldável que é deformada por um fino revestimento de vidro aplicado durante o processo de fabrico.

A ação do vidro deforma o pequeno caranguejo, mas a aplicação de calor faz a liga voltar à forma inicial e com isso consegue-se o movimento. O calor é aplicado através de laser, que incide sobre pontos específicos do robot, com sequências pré-determinadas, para que sejam alcançados os resultados desejados, que é como quem diz, os movimentos. O pequeno robot caranguejo pode andar, saltar ou virar-se para mudar de direção.

O aspeto de caranguejo é apenas uma das hipóteses trabalhadas pelos cientistas, que também admitem diferentes utilizações para o pequeno dispositivo, ideal para trabalhar em espaços confinados, que podem ser os mais variados, incluindo o corpo humano, como explica o video. Foram exploradas outras formas de microrobots semelhantes a besouros, grilos ou vermes, mas podem vir a surgir ainda outras, consoante o ambiente onde vão ser usadas estas pequenas máquinas invisíveis. Afinal o mais difícil, provar que a tecnologia funciona, está feito.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.