No contexto do certame tecnológico CES 2022, a Sony revelou a sua nova linha de televisores Bravia XR. O seu objetivo é preencher o mundo com emoções, através do poder da criatividade e tecnologia, referiu a marca.

Os processadores lançados em 2021 introduziram o chip cognitivo e o sistema de análise cruzada para oferecer melhor qualidade de imagem. Foi ainda melhorada a interface, baseada em conteúdo, e sobretudo integrado na Google AI que permite personalizar as sugestões aos utilizadores. E a conetividade móvel foi igualmente importante, em que os utilizadores podem procurar conteúdos no smartphone para adicionar a uma lista de preferências, que depois pode ser consultada facilmente na televisão para assistir ao que deseja.

Para 2022, a estratégia da Sony passa por cinco pontos nos seus produtos Bravia XR. O primeiro é a expansão do seu processador XR a novos painéis. O segundo é a melhoria da imagem com o processador cognitivo XR. O áudio também vai ser melhorado com melhores posicionamentos das colunas de som. A colaboração com a One Sony, como a Sony Pictures e PlayStation também foi salientado. O UX também vai ser melhorado, muito graças à introdução da webcam Bravia Cam, que recebeu prémio de inovação da CES 2022.

No que diz respeito ao processador XR, nos modelos de 2022 vai ser inserido o novo modelo OLED A95K com tecnologia QD OLED. A oferta é composta pelos modelos Master Series Z9K 8K e a X95K Mini LED e A95K, a A90K, A80K 4K OLED e X90K 4K LED, com tamanho de ecrã dos 42 às 75 polegadas.

Veja na galeria imagens dos novos modelos Sony Bravia:

A fabricante destacou a tecnologia Cognitive Processor XR, introduzido o sistema XR Backlight Master Drive. Na prática, foi introduzido nos novos modelos Z9K e X95K um maior controlo para a sua última geração de retroiluminação no Mini LED, prometendo mais brilho. O sistema melhorar o HDR, iluminação e oferece pretos mais profundos, ao mesmo tempo que as cores vão ser mais naturais, sem “fantasmas” e efeitos de blooiming, criadas nos negros em torno de objetos brilhantes.

A Sony explicou que o Mini LED tem muito potencial, mas por norma cria formas em volta dos objetos devido ao brilho forte. A sua tecnologia permite um maior controlo desse brilho para oferecer as imagens mais realísticas. A sua “Master Drive” garante a harmonização da tecnologia Mini LED.

Os novos QD OLED têm uma estrutura composta por vidro, com camadas de verde, vermelho e azul, uma fonte de luz azul. A nova A95K tem um volume de cor melhorado, com a introdução de brancos no RGB habitual, tornando o brilho mais nítido, mas também cores primárias mais profundas. O modelo promete ainda imagens mais claras e mais difundidas nos diversos ângulos, uma vez que a luz é absorvida uma vez pelo Quantum Dot, espalhando-a depois nas diversas direções.  Esse processador cognitivo alimenta ainda o novo painel OLED da A95K, através da tecnologia XR Triluminos Max, garantindo uma palete de cores mais vasta, reproduzindo sombras mais naturais.

Outra melhoria prometida na sua tecnologia XR para 2022 é a capacidade de gerar um mapeamento mais profundo, tanto para imagens principais, como os seus fundos. Tem ainda um novo algoritmo de cor capaz de controlar também a saturação dos tons, tornando-os mais flexíveis. A Sony adapta também o modo de calibração da Netflix, regulando os televisores mediante o seu ambiente, seja uma sala escura ou com condições com maior iluminação de forma a otimizar a imagem para os respetivos conteúdos.

Em relação ao áudio, a aposta da Sony é o melhor posicionamento dos sistemas acústicos. Os diferentes modelos vão ter sistemas de som mais poderosos, mas também uma distribuição das colunas pelos televisores, composto por subwoofer, tweeters posicionais e colunas de médio e longo alcance. Para utilizadores avançados, podem ainda obter as colunas externas HT-A9 e a soundbar HT A7000, para uma maior imersão.

A UX é outro pilar importante para os novos modelos de 2022. Os modelos Z9K e A95K têm uma câmara Bravia incluída com o televisor (com entrada especial), sendo opcional para outros modelos, ligados através de USB. Através da câmara é possível otimizar o ambiente, mediante a posição do utilizador na sala, desde a imagem ao som. O utilizador também poderá utilizar controlos por gestos diretamente no televisor. Deteta ainda a proximidade, quando as crianças se sentam muito perto do ecrã. Além disso, quando deteta que não está ninguém em frente ao televisor este entra em modo de poupança de energia automaticamente. A câmara tem sistemas de privacidade e funcionalidades de conversação em vídeo.

A fabricante vai ainda introduzir um novo comando remoto, mais pequeno e minimalista, com menos funções e dando destaque aos botões das plataformas de streaming. Tem apenas 25 botões, contra os 49 do modelo anterior. Tem retroiluminação para poder ver as suas funções. No caso de perder o comando no sofá ou outro local, a funcionalidade “find my remote” pode ser pedida ao Google Assistant. O comando irá emitir um som até o encontrar.

Os televisores foram também construídos em parceria com a divisão PlayStation, o que significa que os modelos têm deteção automática das funcionalidades da PS5, assim como o mapeamento de tons de HDR. Deteta ainda quando está a jogar ou a ver um filme da consola, mudando os respetivos modos de imagem. O mesmo para a parceria com a Sony Pictures, recebendo calibrações de imagem dedicadas ao seu catálogo. Promete ainda começar na Alemanha no primeiro trimestre de 2022, uma oferta de episódios de certas séries como promoção, sendo depois direcionados à oferta total nos respetivos serviços.

Por fim, uma mensagem mais ecológica da fabricante, que diz ter diminuído o tamanho das caixas, reduzindo a tinta, assim como maior eficiência no transporte. Promete melhor qualidade de imagem, mas igualmente melhor otimização no uso de energia.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.