Cerca de 300 entidades, entre empresas e agências governamentais britânicas, foram alvos de ciberataques com o propósito de roubar dados confidenciais, realizados a partir da Ásia. De acordo com um alerta emitido pelo National Infrastructure Security Co-ordination Centre, os hackers asiáticos desenvolveram um conjunto de Cavalos de Tróia com o objectivo de capturarem informação crítica na infra-estrutura nacional em várias áreas. os principais alvos são as agências governamentais, empresas na área da banca, telecomunicações ou transportes.



Os emails maliciosos fingem ter origem em sites governamentais ou serem notícias credíveis, referem as autoridades britânicas que admitem maior vulnerabilidade para os utilizadores que utilizem software Microsoft.



Um relatório daquele organismo afirma mesmo que "partes da infra-estrutura crítica nacional do Reino Unido está a ser alvo de uma série de ataques electrónicos com origem em emails", acrescentando que se bem que "a maioria destes ataques visa o Governo central, outras organizações britânicas são também alvos em risco".



Um porta-voz da organização acabou mesmo por admitir que os ataques, com características distintas de iniciativas anteriores não detalhadas, vêm acontecendo há já alguns meses.



Notícias Relacionadas:

2004-04-21 - Vulnerabilidades na Internet motivam alerta do NISCC


2001-09-03 - Reino Unido vai criar centro de combate ao cibercrime

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.