A Intel anunciou hoje o lançamento dos novos processadores Xeon 5600 baseados em tecnologia de 32 nanómetros suportada em transístores de porta de metal high-k de segunda geração. A mais recente linha de processadores empresariais para servidores e estações de trabalho da líder mundial melhora o desempenho ao nível da encriptação e decriptação para assegurar maior segurança das transacções e ambientes virtualizados, explica a empresa em comunicado.



A Intel garante melhorias ao nível do desempenho até 60 vezes com os novos processadores - face à linha anterior - e um retorno de investimento mais rápido para as empresas, que podem substituir 15 servidores de núcleo único por um único servidor equipado com os Xeon 5600 até seis núcleos.



O baixo consumo energético é uma das principais apostas dos novos processadores. Nos modelos de topo, com seis cores (núcleos de processamento), a empresa assegura um TDP (Thermal Design Power) máximo de 130 Watts para as versões a 3.33 GHz e de 95 Watts na versão a 2.93 GHz.



No anúncio, que incluiu a apresentação de cerca de duas dezenas de novos processadores, a Intel revelou também a disponibilidade da série L3406, também da família Xeon mas focada no segmento de micro servidores de processador único.



A linha Extreme Edition dos Intel Core i7 também tem novidades. Os novos 980 X são direccionados a máquinas para jogos e utilização intensiva. Também com seis núcleos de processamento, a série oferece 12 MB de cache e uma frequência de 3,33 GHz.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.