A Microsoft está a proceder a alterações no Office e no Vista por forma a evitar um confronto legal com a Adobe, com quem negoceia há vários meses um acordo para a inclusão do software da Adobe nas próximas versões do seu sistema operativo e pacote de produtividade.



As alterações são uma forma de evitar o confronto com a empresa e eliminar hipóteses de um processo legal vir a provocar novos atrasos no lançamento da nova versão do sistema operativo e do Office 2007.



As alterações pretendem evitar um confronto mas a própria Microsoft não espera que tragam grandes alterações ao nível do produto final que vai chegar ao mercado, já que poucos fabricantes devem optar por esta hipótese.



Em declarações à C|Net Andy Simond gestor de um grupo de programa da Microsoft compara a situação àquela que a Microsoft viveu quando foi obrigada a lançar uma versão do Windows sem Media Player na União Europeia e recorda que o interesse dos fabricantes nesta nova versão tem sido pouco ou nenhum.



No que se refere ao Office 2007 a empresa planeia retirar da suite uma funcionalidade que permite gravar documentos quer em formato XPS quer em PDF. Contudo, o add-on para reintroduzir esta funcionalidade estará disponível para download no site da empresa.



Analistas consultados pela C|Net defendem que a tentativa de afirmação no mercado do XPS apenas prejudicará de forma marginal a Adobe, responsável pelo seu desenvolvimento do mercado. Ainda que o programa deixe de estar disponível de forma automática no Windows, os utilizadores irão fazer o seu download, afirma Kyle McNabb, da Forrester Research.



Notícias Relacionadas:

2006-05-24 - Arranca segunda beta do Windows Vista e do Office 2007

2006-03-22 - Lançamento do Windows Vista atrasado para Janeiro do próximo ano

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.