A informação faz parte do relatório financeiro da Microsoft, que dá maior detalhe sobre os números, depois da divulgação dos resultados há duas semanas

Entre os dados divulgados neste relatório destaca-se a comunicação, pela primeira vez, dos valores de vendas do Surface, que se ficaram pelos 853 milhões de dólares no ano fiscal que decorre entre junho de 2012 e junho de 2013. Foi neste período que a Microsoft lançou o Surface RT e o Surface Pro, que chegaram ao mercado em outubro de 2012 e fevereiro de 2013, respetivamente.

Até agora os dados de vendas e de receitas foram sempre ocultados pela empresa, que se escusava a comunicar esta informação, embora os executivos de topo fossem admitindo que os resultados estavam abaixo das expetativas.

Quando comunicou os resultados financeiros a Microsoft tinha já admitido um registo de perdas por imparidade de 900 milhões de dólares relativos ao negócio do Surface, um valor mais elevado do que o de receitas realizadas no último ano. Aparentemente este registo de perdas estará relacionado apenas com o Surface RT e acaba por ser a confirmação de um insucesso comercial.

O decréscimo de vendas de computadores pessoais pode ser uma das razões que justificam os maus resultados do Surface mas não serão certamente os únicos. Apesar da qualidade do equipamento e da sua usabilidade, a aposta da Microsoft está a ter dificuldade em se afirmar como alternativa ao iPad da Apple ou à miríade de tablets Android no mercado, mas é muitas vezes comparada também com a oferta de ultrabooks e equipamentos híbridos, nem sempre com vantagem no preço.

Recentemente o tablet recebeu uma redução de preço superior a 150 euros para tentar aumentar os níveis de comercialização. A ideia passa por tentar esvaziar os stocks dos retalhistas para que possam apostar nas próximas versões do Surface que já estarão em desenvolvimento.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.