Até ao final do ano estará disponível para venda uma solução de Customer Relationship Management (CRM) desenvolvida pela Microsoft, representando assim a primeira aposta da gigante de software neste mercado.



O produto, apresentado ontem, divide-se em dois módulos, um destinado a pessoal de vendas e outro para os representantes de serviço aos clientes. O software irá partilhar dados com aplicações de desktop da Microsoft, incluindo o seu programa de email Outlook e browser de navegação na Web Internet Explorer, bem como com as suas aplicações de back-office, como os pacotes de contabilidade e finanças.



Baseando-se na infra-estrutura .NET, o Microsoft CRM terá um preço entre 395 dólares (399,88 euros) mais 995 dólares (1.007,29 euros) para uma versão básica ou de 1.395 dólares (1.412 euros) por utilizador mais 1.990 dólares (2.014, 58 euros) por um servidor para uma versão mais avançada.



Segundo David Thacher, director geral de CRM na Microsoft, a ferramenta controla contas e encomendas, funcionalidades que na sua opinião podem melhorar a produtividade do pessoal de vendas e a satisfação dos clientes. O software irá também ajudar os representantes de serviços a controlarem e resolverem casos de serviço aos clientes, acrescentou.



O novo programa desina-se a companhias que possuem entre 50 a 500 funcionários. A Microsoft afirmou que irá tentar concorrer com o Goldmine da FrontRange Solutions, o SalesLogix da Interact Commerce, bem como face a produtos da SalesForce.com e da Upshot.com.



Por outro lado, os responsáveis da gigante de software asseguraram que não pretendem concorrer com parceiras de software como a Onix Software, Pivotal e a Siebel Systems. A divisão Great Plains da companhia possui um acordo de revenda com esta última.



Mas a aposta no CRM é apenas um passo na expansão da Microsoft em direcção ao mercado de aplicações empresariais, actualmente dominado pela SAP, Oracle, PeopleSoft e Siebel que começou com a aquisição da companhia de software de contabilidade Great Plains no ano passado.



Em Maio, a empresa anunciou que pretendia adquirir uma companhia dinamarquesa de software Navision de forma a aumentar o seu domínio de mercado na Europa, uma transacção que foi concretizada hoje. A Microsoft afirmou que os seus parceiros irão comercializar e instalar o software de CRM e disponibilizar serviço de apoio ao cliente. Este produto foi inicialmente anunciado em Fevereiro e incorpora tecnologia da unidade Great Plains.



Tendo em conta que o mercado de aplicações desktop está a começara a atingir a maturidade, alguns analistas afirmam que a Microsoft está a tentar obter novas áreas de crescimento. O CRM tornou-se nos últimos anos um software empresarial essencial para muitas grandes empresas. Este tipo de aplicações destina-se a facilitar os serviços de suporte ao cliente, simplificando os esforços de marketing e de vendas, e ajudando as companhias a encontrar novos clientes e a gerar mais receitas dos clientes já existentes.



Apesar de o CRM ter sido uma área de forte crescimento no mercado de software empresarial, as vendas das principais produtoras de software, como a Siebel e a Epiphany, desceram durante este ano, num contexto de um mercado em depressão para as aplicações empresariais. Contudo, as empresas de pesquisa da indústria tecnológica estão confiantes de que este mercado no valor de vários milhares de milhões de dólares irá eventualmente reconquistar a sua força, prevendo que duplique ou triplique nos próximos anos.


Notícias Relacionadas:

2002-07-12 - Microsoft conclui processo de aquisição da Navision

2002-05-07 - Microsoft confirma aquisição da dinamarquesa Navision

2002-02-26 - Microsoft vai comercializar software de CRM para PMEs

2001-04-05 - Microsoft completa aquisição da Great Plains

2000-12-21 - Microsoft entra no software de gestão

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.