A plataforma Montevina, da Intel, representa uma das evoluções mais significativas da actual oferta integrada do fabricante de processadores, sucedendo à popular plataforma Santa Rosa, lançada durante o ano passado e representando a quinta geração da plataforma Centrino, apesar da designação comercial Centrino 2.



As novidades mais evidentes incluem um bus frontal de 1066MT/s, com velocidades paritárias aos processadores Core 2 Duo da geração Penryn, já com o processo de fabrico de 45nm, um consumo projectado que não deverá ultrapassar os 29 Watts nas implementações mais extremas, bem como suporte para o chip gráfico integrado Intel X4500, disponível nas versões GMA X4500HD, com suporte para Full HD a 1080i e reprodução nativa de filmes Blu-Ray, GMA X4500 e eventualmente GMA 4500. Todas as versões possuem um núcleo de processamento a 533MHz ou 640MHz e representam um incremento de performance até 70 porcento em relação à anterior geração X3500.



A plataforma Montevina incluirá, ainda, suporte para RAM DDR3 e uma nova implementação de caching para memória NAND, para além de um novo controlador Wi-Fi integrado, com a promessa de integração com módulo WiMAX e módulo misto Wi-Fi/WiMAX.



Com a nova plataforma, a Intel apresentou ainda alguns novos processadores Penryn dedicados, com velocidades entre os 2,26GHz e 3,06GHz e cache L2 de 3MB ou 6MB.



As versões vPro deverão integrar funções de segurança e de gestão específicas para ambientes empresariais.



Notícias Relacionadas:

2008-03-11 - Intel promete baixar preços de SSDs até 2010


2008-01-08 - Intel inunda mercado com 16 novos processadores


2007-05-09 - Intel actualiza Centrino com nova plataforma Santa Rosa

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.