Um grupo constituído por algumas das maiores fabricantes do mundo na área das tecnologias está a levar a cabo uma série de acções para sensibilizar os dirigentes europeus para a necessidade de aumentar as restrições à utilização de químicos perigosos na composição de dispositivos electrónicos.

Sony Ericsson, Dell, HP e Acer são alguns dos nomes envolvidos na iniciativa, que visa pressionar a União Europeia para que proceda a alterações legislativas que obriguem as empresas a restringir o uso de substâncias perigosas no fabrico dos seus produtos.

A parceria anunciada hoje junta também organizações de interesse público como a ChemSec, Clean Production Actio e European Environmental Bureau, pede o reforço das restrições constantes das directivas comunitárias sobre Substâncias Perigosas (RoHS) e pretende fazer algum lobby junto dos decisores europeus.

O principal objectivo é impor mais limitações ao uso do PVC (policloreto de vinilo) e dos retardadores de chamas bromados, também conhecidos como BFRs - actualmente a legislação proíbe apenas o uso de dois tipos de BFRs. Ambos os materiais podem produzir substâncias químicas bastante potentes (dioxinas halogenadas) quando incinerados em condições de reciclagem precárias e organizações como o GreenPeace têm-se batido pela fim da sua utilização.

"Acreditamos que a indústria electrónica tem a responsabilidade de se mexer proactivamente de forma a encontrar substitutos dos BFR e PVC e estamos por isso a apelar aos legisladores da UE para que demonstrem alguma liderança em relação a este assunto votando para que se estreitem as directivas de RoHS", afirma Daniel Paska, um dos peritos em matéria ambiental da Sony Ericsson.

No comunicado em que explica a sua associação à iniciativa, a empresa garante já ter abdicado de "praticamente todos" os BFRs e compromete-se a eliminar completamente as substâncias halogenadas dos seus proudutos.

O recurso a estas substâncias é um dos principais critérios observados aquando da avaliação que precede à elaboração do índice de tecnológicas mais "verdes" da GreenPeace, o Guide to Greener Electronics, cuja evolução o TeK costuma acompanhar.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.