O iGrape resulta de um consórcio entre parceiros de Portugal, Itália e Alemanha e é liderado pelo INL - Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, contando com um financiamento de 2,7 milhões de euros do Programa H2020. O objetivo é desenvolver uma solução inovadora que vai permitir monitorizar de forma contínua, independentemente das condições climatéricas, o nível de maturação da uva e o stress hídrico da videira. Desta forma será possível determinar qual o momento ideal da vindima e a produção de vinho de alta qualidade.

O INL está a desenvolver o dispositivo que deverá ser completamente autónomo, possuir uma bateria própria e pré-processamento de sinal e módulo de comunicação sem fios. Desta forma é possível medir e transmitir as leituras regularmente para uma estação remota de colheita de dados durante o período necessário.

E porquê a área da produção vitivinícola? Fonte do INL responde que o INL “tem como uma das suas linhas de ação ajudar a “resolver problemas, não só de áreas específicas da indústria mas da sociedade como um todo”, mas foi identificada esta necessidade na área de produção de vinho. “Trata-se de um setor com grande relevância para a economia, tradicional e histórico, mas que tem tido sempre a capacidade de inovar”, refere.

O tempo previsto para o projeto é de 36 meses, aplicando a tecnologia à agricultura de precisão e usando a Internet das Coisas nas vinhas, mas o objetivo é alargar o uso destes sistemas à produção de fruta e outras áreas da agricultura.

A Sogrape é um dos parceiros e vai testar a tecnologia nas suas quintas em Portugal, podendo estender a utilização a Espanha, Argentina, Chile e Nova Zelândia, onde tem também produção. “A Sogrape vai disponibilizar um “laboratório” ao ar livre, que são as suas quintas, não só em Portugal mas também no estrangeiro. O desenvolvimento da solução vai contar com a participação ativa da área de Inovação da empresa”, explica fonte do INL.

Entre os parceiros do iGrape estão ainda o INESC MN (Portugal), Universidade de Freiburg (Alemanha), Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais - Produção, Paisagem, Agroenergia - Universidade de Milão (Itália) e Automation SRL (Itália)

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.