A recolha de novas imagens tem como objetivo atualizar a informação existente sobre cada um dos locais em questão, mas também visa a recolha de novas imagens de pontos não cobertos pela empresa com os registos feitos em ocasiões anteriores, como é o caso de imagens referentes a pontos turísticos.

Esta recolha mais detalhada será possível graças à Trekker, uma espécie de mochila que integra um sistema de 15 lentes, que são apontadas em direções distintas e permitem a recolha de imagens em todas as direções.

O equipamento será usado de forma complementar ao carro e vai permitir chegar a passagens estreitas ou a locais só acessíveis a pé, para recolher material que permitam dar uma experiência de visita virtual (360º) aos locais por onde passou.

Aljezur, Braga, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Lagoa, Lagos, Lisboa, Peniche, Porto, Sagres, Setúbal, Portalegre e Tróia são os locais onde durante os próximos dias pode vir a cruzar-se com o carro da Google.

Numa nota de imprensa, a empresa sublinha que todas as imagens recolhidas durante esta nova visita a Portugal para alimentar o Street View serão editadas antes da publicação, para aplicar tecnologia de desfocagem de rostos e matriculas e salvaguardar questões de privacidade. Ainda assim, qualquer utilizador que se veja retrato nas imagens e não queira, pode pedir à Google para ser apagado.

Nos últimos meses a Google também esteve em Portugal a recolher imagens, mas nesta altura completamente focada no património cultural. Os resultados dos 12 mil quilómetros percorridos já foram apresentados.  

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.