Jacques Chirac apresentou no Salão do Livro de Paris o Europeana, um projecto que pretende promover a digitalização do património cultural europeu e oferecer uma resposta à estratégia da Google.



A empresa da Internet vem desenvolvendo um projecto que prevê a colocação online de 15 milhões de obras, com o contributo de várias bibliotecas norte-americanas, da Universidade de Oxford, entre outras.



O presidente francês apelou à Biblioteca Nacional Francesa para acelerar o ritmo de digitalização do seu acervo de forma a integrar 100 mil títulos na Biblioteca Digital Europeia até ao final deste ano.



Jacques Chirac pediu que se intensificassem as negociações com os detentores dos direitos de autor das obras, ou entidades responsáveis, para que a biblioteca possa arrancar cumprindo as leis de propriedade intelectual em vigor na Europa.



Apresentado em Março de 2005, o projecto para a criação da Biblioteca Digital Europeia pretende chegar a 2010 com mais de seis milhões de livros, filmes, fotografias e outros documentos oriundos dos países da União Europeia digitalizados e disponíveis num único portal online.



No ano passado, 23 bibliotecas públicas europeias já haviam expressado interesse em aderir à iniciativa.

Notícias Relacionadas:

2006-08-25 - UE recomenda agilização dos processos para a criação da Biblioteca Digital Europeia

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.