Uma pesquisa encomendada pelo site de comparação de preços KuantoKusta revela que 445 dos internautas admitem fazer compras por impulso em lojas físicas, enquanto apenas 25% identificam a mesma tendência no caso das compras online.



Associado a este fator estão também diferentes níveis de arrependimento relativamente a compras realizadas em lojas físicas e lojas online: 39% dos inquiridos que reconhecem arrependimento relativamente a compras realizadas referem-se a operações concretizadas em lojas físicas. O arrependimento relativo a compras feitas em lojas online é reconhecido apenas por 19% dos inquiridos.



Quem respondeu também reconhece que a atuação dos empregados de loja tem um efeito na compra, mas mostra que na maior parte dos casos este se revela negativo. Vinte sete por cento dos inquiridos admitem que a pressão dos empregados de loja afeta a compra, em 80% dos casos antecipando uma saída da loja, sem compras.



A pesquisa revela ainda uma tendência crescente dos portugueses para fazerem compras na Internet: 56% dos inquiridos disseram que fazem compras online uma ou mais vezes por mês, um número que representa um crescimento de 40% relativamente aos dados apurados num inquérito semelhante, realizado no verão do ano passado. A fatia de utilizadores que nunca fez uma compra online também diminuiu, de 2,5% para 1,2%.



O preço é o argumento mais relevante numa decisão de compra online (apontam 57,5% dos inquiridos). Os artigos mais adquiridos por esta via continuam a ser artigos informáticos, telemóveis e GPS, bem como produtos de som e imagem.



No inquérito encomendado pelo KuantoKusta participaram 1.374 internautas. Realizada em maio, a pesquisa foi conduzida pela Two Much e pela NetQuest.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.