A Linden Lab pretende instalar um sistema de filtragem no Second Life de forma a ajudar os governos a esconder conteúdos menos próprios e a estabelecer restrições quanto à idade dos utilizadores que acedem à plataforma.




Apesar de já existir uma idade mínima para se poder aceder ao Second Life, a realidade é que a maioridade civil difere de país para país. Enquanto para Portugal, um indivíduo é considerado maior quando atinge os 18 anos, nos Estados Unidos essa situação só acontece quando o cidadão completa 21 anos. São factores como este que levam a empresa a criar filtros que possam ser manobrados pelos responsáveis governamentais consoante a realidade do seu país.




Em entrevista à revista alemã Focus, Philip Rosedale, criador da comunidade virtual, refere que " esta medida permitirá aos responsáveis de cada país decidir as leis" pelas quais os cidadãos se devem reger para acederem ao canal.




O mesmo responsável assume que pretende tornar mais difícil a violação das normas já impostas evitando as críticas dirigidas ao Second Life, nomeadamente as mais recentes, que se prendem com casos de pornografia infantil na comunidade.




No início deste mês foi publicada uma notícia onde se avançava que as autoridades de Bremen, na Alemanha, haviam sido notificadas da presença de material pornográfico envolvendo crianças no Second Life, o que levantou uma investigação policial e a apreensão de um suspeito que utilizava a rede para trocar ficheiros com outros pedófilos.




Estes comportamentos já levaram a Liden Lavs a proibir o acesso de utilizadores que procuram este tipo de conteúdos na plataforma, mais uma estratégia para minimizar as acusações dirigidas à empresa.




As parecenças entre o mundo real e o Second Life são cada vez maiores e, lamentavelmente, a rede acolhe outro tipo de crimes. Informações recentes dão conta da existência de conflitos políticos, formas de terrorismo e jogo ilegal.




Notícias Relacionadas:

2007-05-11 - Second Life investigado por alegados casos de pedofilia

2007-01-24 - BBC quer lançar versão do Second Life para crianças

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.