A Nokia Bell Labs vai juntar-se à Deutsche Telekom T-Labs e à Universidade Técnica de Munique para dar a conhecer uma nova tecnologia de transmissão de dados por fibra ótica capaz de chegar a velocidades de 1 terabit por segundo (1Tbps).

A tecnologia, desenvolvida em parceria entre as três entidades, foi baptizada como Probabilistic Constellation Shaping (PCS) e apesar das velocidades impressionantes que atinge, não chega a ser a mais rápida de sempre. Já este ano, a University College London conseguiu desenvolver uma tecnologia semelhante que atingiu valores de 1,25Tbps, velocidade suficiente, diz a UCL, para "descarregar toda a série de Game of Thrones em HD num segundo".

Em Portugal, por exemplo, a comercialização de uma ligação à internet com velocidades desta ordem significaria um aumento de mais de 1.000 gigabits relativamente à velocidade de 1Gbps já praticada pela Vodafone.

Apesar de não referir qualquer tipo de previsão para a aplicação desta tecnologia no "mundo real", a Nokia afirma que "esta investigação é uma prova de que a PCS pode ser utilizada no futuro para estender as tecnologias de comunicação óticaW.

"Este avanço vai permitir às operadoras de telecomunicações e às empresas maximizar a distância e a capacidade de transmissão de dados em alta velocidade", escreve a empresa finlandesa em comunicado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.