A United Parcel Service é uma conhecida empresa de entregas. Nos EUA, a UPS celebrou uma parceria com a Matternet que se vai materializar num pequeno serviço de transporte de medicamentos entre as infraestruturas do hospital WakeMed, na Califórnia, e a casa de alguns pacientes. No entanto, é no meio de transporte escolhido que reside o ponto de interesse. É que os medicamentos vão ser transportados em drones autónomos, capazes de carregar cerca de 2,2 quilos, ao longo de mais ou menos 20 quilómetros de distância.

Top TeK: 7 coisas impressionantes que os drones já fazem
Top TeK: 7 coisas impressionantes que os drones já fazem
Ver artigo

A UPS sublinha que o sistema vai ser mais rápido e barato do que o atual sistema de entregas e que há uma vantagem difícil de bater: a inexistência de engarrafamentos. Desta forma, a empresa espera conseguir garantir uma entrega mais consistente e capaz de responder a pedidos urgentes em tempo útil.

Nesta fase, o serviço vai ser feito em rotas fixas, com um piloto remoto que ficará encarregado de acompanhar a viagem.

A iniciativa vai contar com a ajuda da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos da América, que terá todo o interesse em medir o sucesso deste serviço.

O sistema poderá ser expandido no futuro. Tanto a UPS como a Matternet têm interesse em levar este método de entregas a outras zonas dos EUA, mas tudo dependerá dos resultados deste primeiro teste.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.