Um recente estudo, conduzido pela Kaspersky Lab, mostra que 78% já quis abandonar as redes sociais que utiliza, principalmente porque as consideram uma perda de tempo. No entanto, o facto dessas redes sociais serem um elo de ligação a terceiros e funcionarem como uma espécie de “memória” leva-as a ficarem.

A grande maioria (62%) acredita que perderia o contacto com os amigos se saísse das redes socias. Perto de 21% dos inquiridos mostrava menos preocupação com a questão dos amigos e mais atenção quanto ao medo de não conseguir recuperar as suas memórias digitais – por exemplo, fotografias – se desativassem as suas contas.

Um outro ponto importante é o facto de muitos utilizadores usarem a conta da rede social para acederem a outros serviços online (18%).

Quanto às razões para quererem abandonar as redes sociais, 39% consideram que são uma perda de tempo e 30% indica estar desagradado com a monitorização que as gigantes tecnológicas fazem da sua atividade online.

O inquérito da Kaspersky Lab foi conduzido online, obtendo 4.831 respostas. Composto por oito questões, foi traduzido para nove línguas: inglês, espanhol, português, francês, italiano, alemão, russo, japonês e turco, e programado através do Poll Daddy. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.