Segundo o relatório, publicado duas vezes ao ano, o número de pedidos no período analisado cresceu cerca de 15% comparativamente aos 1.009 registados no semestre anterior. Compara também com os 849 registados um ano antes.

Entre os 36 países mencionados no mais recente relatório de transparência da rede de microblogs – o primeiro publicado após o escândalo envolvendo a NSA – há outros nove, além de Portugal, sem quaisquer pedidos de informação: Áustria, Bulgária, Dinamarca, Indonésia, Israel, Peru, Qatar, Sudão e Suécia.

Os Estados Unidos, por sua vez, foram responsáveis pela grande maioria do número de pedidos de informação feitos ao Twitter entre janeiro e junho de 2013 (78%), com 902 pedidos que abrangeram 1.319 contas ou utilizadores.

O Japão com 87 pedidos e o Reino Unido com 26 completam, respetivamente, o segundo e terceiro lugar do pódio.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.