O Twitter está a testar uma forma de assinalar tweets que relatem informações falsas. A empresa quer ser mais proativa no que diz respeito à monitorização da desinformação e planeia utilizar símbolos de alerta para chamar à atenção dos utilizadores que se depararem com mensagens enganadoras, nomeadamente da parte de políticos e outras figuras mediáticas.

Para o efeito, a rede social está a desenhar emblemas vermelhos e laranjas para assinalar os tweets que forem considerados "prejudicialmente falaciosos", sendo que, à identificação, deverá seguir-se uma fase de correção, em que a tecnológica vai avançar informação que contraria as alegações feitas no tweet em questão.

Twitter declara "guerra" ao conteúdo manipulado e anuncia a chegada de novas regras
Twitter declara "guerra" ao conteúdo manipulado e anuncia a chegada de novas regras
Ver artigo

No exemplo abaixo, que sublinha as semelhanças entre o HIV e o coronavirus, um reparo do Twitter indica que muitos vírus partilham características com o HIV; e que não existem provas que nos permitam concluir que o coronavirus foi criado pelo homem em testes de laboratório.

O Twitter afirma que esta é apenas uma medida possível contra as campanhas de desinformação que são propagadas naquela plataforma, o que indica que existem outras preparadas. A empresa planeia implementar uma nova política contra a disseminação de informações falsas já no próximo dia 5 de março. Recorde-se que é também neste dia que a partilha de deepfakes na rede social entra em vigor.

Uma outra ideia que está em cima da mesa consiste num sistema de pontos, onde os utilizadores seriam premiados sempre que ajudassem a rede social a identificar tweets problemáticos.

Note que o Twitter está a trabalhar em ferramentas do género desde 2017. As presidenciais de 2020 será um dos primeiros testes à capacidade de "defesa" da rede social.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.