O PRIME e o seu antecessor, o POE, receberam nos últimos sete anos 34 mil candidaturas, na maioria relacionadas com projectos de apoio à Inovação, subjacente à generalidade dos instrumentos disponíveis. A informação foi fornecida ontem por Nelson de Souza, gestor do PRIME no Congresso das Comunicações.

O responsável frisou que ao longo dos últimos sete anos este tipo de programas concedeu 4,5 mil milhões de euros em apoios, ajudando a gerar investimentos de 14 mil milhões de euros, resultado do apoio a 14 mil projectos.

O próximo quadro comunitário de apoio cobre o intervalo entre 2007 e 2013 e está a ser ultimado pelo Governo em colaboração com a Comissão Europeia, que tem de aprovar as linhas estratégicas do Governo.

Nesta matéria, Nelson de Souza sublinha que o Executivo já definiu prioridades, na linha das orientações Estratégicas que têm vindo a ser divulgadas pelo Primeiro Ministro e que também norteiam a acção da Comissão Europeia para os próximos anos.

Assim, a Inovação - orientado à área produtiva -, a I&D e a qualificação das Pequenas e Médias Empresas assumem-se como prioridades horizontais do Governo no QREN - Quadro de Referência Estratégica Nacional.

Notícias Relacionadas:

2006-11-15 - 16º Congresso APDC – Pesquisa continua em crescimento com forte potencial de monetização

2006-11-15 - 16º Congresso APDC - Neutralidade da Web é uma questão que pouco afecta a Europa

2006-11-15 - 16º Congresso APDC - Ericsson demonstra 3G a 7,2 Mb e aponta lançamento comercial para Janeiro 2007

2006-11-14 - 16º Congresso APDC - Presidente da AdC promete novo projecto de decisão da OPA para breve
2006-11-14 - 16º Congresso APDC - Novo concurso de TDT avança no primeiro trimestre de 2007

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.