Em três anos, o programa BizSpark já apoiou cerca de 350 starups em Portugal, num total de "mais de 2,6 milhões de euros em software cedido a custo zero", revelou hoje a subsidiária da gigante de Redmond em território nacional.

Os números foram divulgados a propósito da comemoração do aniversário do programa internacional de apoio a empresas de base tecnológica em início de atividade, que teve início em 2008.

A iniciativa destina-se a "apoiar e acelerar o sucesso de startups de base tecnológica através da disponibilização gratuita de software, suporte e visibilidade às novas empresas beneficiadas, durante um período de 3 anos", explicam os responsáveis pelo projeto, num comunicado de imprensa.

"A Microsoft pretende, desta forma, apoiar os empreendedores nacionais, dando-lhes acesso gratuito à sua mais recente tecnologia, estimulando e criando dinâmicas nas comunidades nas quais estão inseridos, e motivando-os a criarem soluções inovadoras e de valor exportável", detalha a mesma fonte.

A implementação do programa em Portugal, no âmbito de um Memorando de Entendimento celebrado com o Governo Português, foi anunciada logo uma semana depois da sua apresentação internacional, em novembro de 2008.

Para aderirem ao programa, as empresas precisam de cumprir três critérios: desenvolver um produto ou serviço baseado em software, estar no mercado há menos de três anos e uma faturação anual inferior a um milhão de dólares americanos.

Às que reúnam as condições necessárias, a Microsoft fornece acesso a software que vai desde ferramentas de desenvolvimento a sistemas operativos e licenças de servidores, bases de dados ou à plataforma Windows Azure, para trabalho colaborativo na nuvem. Ficam também à disposição das empresas, através do Microsoft Online Services, o Dynamics CRM Online e o Office 365.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.