A partir de janeiro de 2019, a Claranet não irá utilizar as suas submarcas para designar os respetivos produtos. Todos vão passar a ser listados na marca única da tecnológica portuguesa, incluindo a ITEN Solutions, empresa adquirida há mais de um ano, que era utilizada para identificar parte do seu portfólio de serviços e produtos de TI.

Segundo o comunicado da empresa, a decisão deveu-se ao crescimento orgânico da tecnológica, fazendo sentido assumir uma única identidade corporativa em Portugal. Desta forma, torna-se mais fácil e eficaz a comunicação das soluções que desenvolve e disponibiliza aos seus clientes, permitindo fortalecer a respetiva relação.

A Claranet conta atualmente com 2.000 funcionários em oito mercados, tendo no seu portfólio soluções de cloud, segurança e workplace. Em outubro, a empresa inaugurou a unidade de Cibersegurança Global para enfrentar a crescente criminalidade informática. A aposta e consolidação da cibersegurança surge na sequência da aquisição e integração da SEC-1 e da NotSoSecure no seio da empresa e de um aumento de investimento em segurança, sobretudo em Portugal e França.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.