A Bitcoin não pára de somar recordes de valorização. Esta quarta-feira atingiu um novo máximo histórico e passou a valer 64 mil dólares, subida que atira a valorização da moeda digital mais popular do mercado para 1,2 biliões de dólares ( 1 bilião de euros). 

Uma análise da CryptoParrot, compara o percurso da criptomoeda ao trajeto das principais tecnológicas e conclui que o percurso de ascensão da Bitcoin tem sido quase meteórico. 

Segundo estes dados, a Bitcoin levou 12 anos para atingir uma valorização de mercado de um bilião de dólares, uma marca que a Alphabet, dona da Google, só conseguiu bater 21 anos depois de chegar ao mercado. A Amazon precisou de 24 anos para valer um bilião, a Apple 42 anos e a Microsoft 44 anos.  

tek valor de mercado bitcoins vs tecnológicas
créditos: visualcapitalist.com

A comparação também mostra que a evolução tecnológica multiplicou as oportunidades de crescimento das empresas que trabalham no sector da tecnologia. As mais recentes conseguiram crescer mais depressa, que as empresas que tiveram de ir adaptando os seus negócios às transformações do mercado. Ainda assim, os dados não deixam de impressionar, tendo em conta o tipo de ativos de umas e de outra e os instrumentos disponíveis para avaliar e projetar o crescimento de cada um dos negócios no tempo. 

Depois de anos de altos e baixos, no último ano a Bitcoin parece ter ganho definitivamente tração, mas tem sido já em 2021 que o trajeto da moeda virtual conquistou os avanços mais significativos. No início do ano, o seu valor de mercado rondava os 500 mil milhões de dólares. Desde então, já conseguiu duplicar esse valor. 

A explicar esta ascensão estão vários factores, mas sobretudo o facto de pouco a pouco o investimento na moeda digital deixar de ser visto apenas como especulativo e passar a ser encarado como investimento seguro, com lugar em carteiras de investimento tipicamente mais conservadoras. 

Coinbase é a primeira plataforma de transação de criptomoedas a chegar à bolsa. Estreia-se no Nasdaq esta quarta-feira
Coinbase é a primeira plataforma de transação de criptomoedas a chegar à bolsa. Estreia-se no Nasdaq esta quarta-feira
Ver artigo

Existiram também alguns movimentos individuais que podem ter influenciado o mercado, como o investimento de 1,5 mil milhões da Tesla na moeda, ou os sinais dados por gigantes como a Visa e a Mastercard, que fizeram alterações às suas plataformas para facilitar operações de pagamento com moedas virtuais. 

O dia em que a Bitcoin voltou a fazer história, é um dia que também ficou para a história pela estreia no índice Nasdaq da primeira corretora de moedas virtuais. As ações da Coinbase tinham um preço de referência de 250 dólares, mas estiveram sempre acima desse valor. Na verdade, abriram a negociação já a valer 381 dólares e durante o dia chegaram a valer 429 dólares, segundo a Bloomberg. No fim da sessão valiam 328,28 dólares, o que traduz um valor de mercado de 112 mil milhões de dólares para a Coinbase.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.