Os clientes da Mastercard vão receber em breve o serviço de pagamentos Apple Pay, que dispensa cartões nas transações, bastando utilizar os terminais móveis da marca da maçã. A oferta surge através da parceria entre a rede bancária com o Crédito Agrícola, N26, Monese e Revolut, de forma a oferecer pagamentos mais rápidos, fáceis e seguros.

Seja através de um iPhone, Apple Watch, iPad e Mac, os clientes podem fazer pagamentos das compras em lojas, aplicações e websites. Para além de Portugal, os detentores de cartões Mastercard passam a aceder ao Apple Pay na Bulgária, Croácia, Chipre, Estónia, Grécia, Látvia, Liechtenstein, Lituânia, Malta, Roménia, Eslováquia e Eslovénia.

A Mastercard destaca a segurança e privacidade no core da Apple Pay, devido ao Mastercard Digital Enablement Service, que utiliza tecnologias avançadas de pagamento, incluindo EMV, tokenização e criptografia, que asseguram a integridade da informação do cartão. Nesse sentido, sempre que utiliza um cartão de crédito ou débito na Apple Pay, os respetivos números dos cartões não são guardados no equipamento ou nos servidores da Apple. Essa tecnologia designa um número de conta único que é encriptado e guardado na área segura do equipamento, avança a empresa, referindo que cada transação é autorizada através de um código de segurança dinâmico, único e gerado em específico para essa transação.

Entre os benefícios listados, depois de instalar e configurar o Apple Pay, os utilizadores vão poder usufruir das vantagens oferecidas pelos cartões de crédito e débito da Mastercard, incluindo o pagamento de lojas, restaurantes, táxis ou máquinas de vendas através do iPhone e Apple Watch. Nos pagamentos que utilize Apple Pay em apps ou no browser Safari da Apple, os utilizadores deixam de ter a necessidade de preencher manualmente os formulários ou repetir a informação para entrega dos produtos. A autenticação é feita através dos sensores biométricos de impressões digitais e reconhecimento facial via Face ID e Touch ID, ou em alternativa uma password ou PIN.

A Monese também confirmou o suporte de Apple Pay em Portugal, num total de 27 países europeus. Os utilizadores podem alternar entre os seus cartões Monese com o Apple Pay, onde quer que o serviço seja aceite mundialmente. “Muitos dos nossos clientes viajam pelo mundo para estudar, trabalhar, por razões familiares ou para a reforma e sabemos que dependem muito de pagamentos digitais, incluindo pagamentos contactless” refere Norris Koppel, CEO da Monese.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.