O grupo Altice, dono da Meo, aumentou a sua participação no capital da britânica BT para 18%, reforçando a posição como principal acionista da operadora de telecomunicações britânica e motivando, quase de imediato, uma reação do Governo inglês.

O executivo liderado por Boris Johnson diz que está a seguir com cuidado o assunto e que irá agir para evitar uma perda de controlo do país sobre a sua infraestrutura de telecomunicações. “O Governo está comprometido em fazer avançar o país através da infraestrutura digital e não vai hesitar em agir se for necessário proteger a nossa infraestrutura crítica de telecomunicações”, referiu um porta-voz do executivo citado pela Reuters.

A Altice UK é uma das donas da BT desde junho, quando adquiriu 12,1% das ações da empresa, por 2,2 mil milhões de libras. Patrick Drahi, fundador e dono do grupo, já garantiu que não tem planos, imediatos, para lançar uma oferta que permita controlar a empresa.

Altice International Innovation Award 2021: Soluções para indústria de têxteis e da saúde entre os finalistas
Altice International Innovation Award 2021: Soluções para indústria de têxteis e da saúde entre os finalistas
Ver artigo

O bilionário de nacionalidade portuguesa, francesa, marroquina e israelita assegura que tem mantido um diálogo construtivo com a administração da BT, que pretende manter, bem como o apoio à estratégia desta equipa, que coloca no terreno um ambicioso plano de expansão da rede local de fibra.

Nos últimos meses, na verdade, Drahi tem estado impedido pela legislação britânica de lançar uma oferta hostil sobre a BT, uma limitação que durou seis meses e que já terminou. O responsável reiterou entretanto a intenção de apoiar a administração da BT mas, como sublinha o The Guardian, também admitiu que a sua posição sobre o assunto pode mudar, se a operadora receber alguma outra oferta de compra.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.