Na abertura do Web Summit 2021, Carlos Moedas, recém eleito presidente da Câmara Municipal de Lisboa, disse que queria ir mais além do que o Web Summit e criar uma fábrica de unicórnios, promovendo a cidade como um hub tecnológico e garantindo que os empreendedores venham a Lisboa mas que fiquem e que criem aqui as suas empresas.

Hoje a promessa concretiza-se, mas com o anúncio da Unicorn Factory Lisboa, dias antes do arranque de mais uma edição do Web Summit que Paddy Cosgrave promete ser a mais movimentada de sempre.

"A Unicorn Factory Lisboa tem como missão expandir o apoio ao ecossistema empreendedor para promover o crescimento acelerado e sustentado de empresas tecnológicas a partir de Lisboa, trabalhando como um motor para a inovação e crescimento económico da cidade e do País", explica a organização.

A fábrica é na verdade uma plataforma que junta programas e hubs para apoiar startups e scaleups na criação de produtos e modelos de negócio, ou no desenvolvimento de processos eficientes. Com o crescimento podem tornar-se unicórnios, o termo que designa as empresas avaliadas em mil milhões de dólares.

"Lisboa precisa de mais unicórnios, de grandes empresas, porque estas empresas vão criar os empregos do futuro, gerar riqueza, alavancar a economia e renovar a cidade", defende Carlos Moedas.
Entrevista: “Lisboa teve um papel em tornar o Web Summit tão popular e espero que o Web Summit tenha ajudado também Lisboa”
Entrevista: “Lisboa teve um papel em tornar o Web Summit tão popular e espero que o Web Summit tenha ajudado também Lisboa”
Ver artigo

Na Unicorn Factory Lisboa vão ficar integradas a Startup Lisboa e o Hub Criativo do Beato, e há quatro pilares de atuação, desde o apoio á fase inicial das startups ao suporte ao crescimento no scaling up, mas apostando também na atração de scaleeups e unicórnios internacionais com o programa Soft Landing Program e no sesenvolvimento de Rede de Hubs e programas, através de hubs focados na
inovação em áreas de forte crescimento.

A partir de 2023 vão ser promovidos dois novos programas cujas candidaturas vão abrir durante o Web Summit. Os programas são o Scaling Up Program, que é o primeiro programa em Lisboa a trabalhar em mais de 20 scaleups de elevado potencial por ano, e o Soft Landing Program, com ferramentas para enfrentar os desafios de crescimento e a mudança ou expansão de operações em Lisboa.

"Através dos dois novos programas que abrem candidaturas durante a Web Summit, a Unicorn Factory Lisboa promove mais de mil oportunidades de parcerias e sinergias, e disponibiliza acesso a mais de 30 parceiros empresariais, incluindo as maiores empresas portuguesas, unicórnios e grupos tecnológicos globais, e a mais de 20 investidores", refere a organização.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.