As GoPro tornaram-se famosas em todo o mundo por serem câmaras de qualidade e por conseguirem resistir a quase tudo. A empresa procura agora um novo desafio e está a preparar-se para entrar na bolsa de valores, revelando em comunicado que está a preparar uma Oferta Pública Inicial (IPO).

A tecnológica garante que já submeteu o pedido à Comissão de Títulos e Câmbio dos EUA (SEC), que está agora a analisar as condições da empresa. O documento foi entregue de forma confidencial, já que o JOBS Act permite que empresas com menos de mil milhões de dólares em receitas omitam ao público os detalhes da IPO no ato de entrega do mesmo.

A GoPro torna-se assim a primeira grande empresa de tecnologias a revelar planos para entrar na bolsa de valores depois do Twitter. Recorda-se que a rede de microblogues também usufruiu da submissão confidencial ao SEC.

O pedido à entidade reguladora norte-americana foi submetido no dia 7 de fevereiro, apenas três dias depois de a GoPro ter contratado um novo diretor financeiro.

A gigante das câmaras de ação vai assim submeter-se ao "escrutínio" dos mercados e dos investidores, mas em contrapartida a movimentação estratégica vai permitir à empresa crescer em valor de mercado. Mais uma vez vale a pena recordar o exemplo do Twitter: no primeiro dia a procura por ações da empresa foi gigante, mas no dia em que revelou os resultados financeiros do último trimestre de 2014 as ações tombaram cerca de 20% por ter desiludido os analistas.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.