A entrada em bolsa do LinkedIn vai concretizar-se com a emissão de 7,87 milhões de acções, pelo preço de 32 a 35 dólares por título, dando origem a um encaixe entre os 251 milhões a 274 milhões de dólares (175 a 191 milhões de euros).

Os valores da Oferta Pública Inicial (OPI ) foram divulgados pelos responsáveis da rede de contactos profissionais e estão substancialmente acima do anunciado em Janeiro, quando a empresa disse esperar encaixar 175 milhões de dólares.

A entrada em Wall Street, suportada pelas instituições financeiras Morgan Stanley, BofA Merrill Lynch e JPMorgan Securities, no entanto continua sem calendário definido.

Os actuais accionistas da empresa deverão ceder 3,01 milhões de títulos suplementares, esperando encaixar cerca de 96 a 105 milhões de dólares (67 milhões a 122 milhões de euros), enquanto o LinkedIn deverá vender quase cinco milhões de acções.

O LinkedIn nasceu há sete anos e conta actualmente com 100 milhões de utilizadores activos na sua rede social.

Mais de metade dos utilizadores do serviço já provêm de fora dos Estados Unidos, sendo que o Linkedin é actualmente usado em mais de 200 países. De acordo com os últimos dados oficiais, junta-se à plataforma um novo membro a cada segundo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.