As receitas da empresa atingiram no período os 59,82 mil milhões de dólares, num crescimento de 19,2% face a 2012, um valor que ficou acima das estimativas dos analistas, ao contrário dos lucros, que penalizados pelos maus resultados da Motorola, não cresceram tanto quanto se esperava.


Os dados apresentados ontem pela empresa incluem perdas de 384 milhões de dólares relacionadas com a atividade da Motorola na área dos smartphones, durante o último trimestre, um impacto que a gigante da Internet não voltará a sentir já que, como anunciou esta quarta-feira, vendeu o negócio à chinesa Lenovo.


No último trimestre do ano os lucros da Google fixaram-se nos 3,8 mil milhões de dólares, mais 17% que no trimestre homólogo, enquanto as receitas ascenderam a 13,6 mil milhões, porque cresceram 11%.


Com um peso determinante nos resultados do grupo, as variações nas receitas de publicidade são analisadas ao detalhe. Estes resultados anuais permitem identificar que a empresa conseguiu aumentar em 31% os cliques pagos por anúncios, embora tenha havido uma redução de 11% no preço médio pago por cada clique, face ao ano anterior.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.