A coligação dos 18 estados norte-americanos que apoiam o Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DOJ) há mais de três anos no processo antitrust contra a Microsoft está maioritariamente inclinada a resolver agora o caso através da assinatura do acordo estabelecido no final da semana passada entre a gigante de software e o DOJ.



Segundo a Associated Press, dois terços - pelo menos 12 - dos procuradores-gerais dos diferentes estados vão aprovar hoje o acordo, ao passo que os outros estão determinados a ir a tribunal outra vez. Seis estados exprimiram o seu apoio pelo documento legal proposto pelas duas partes, sendo que pelo menos outros seis conseguiram negociar mais concessões com a Internet, o que os fez aproximar da aprovação do entendimento.



Depois de conversações que se prolongaram durante toda a noite, a Microsoft deu a entender que tinha terminado de negociar e que tencionava continuar em tribunal o processo com os estados que não assinarem o texto.



A juíza distrital Colleen Kollar-Kotelly consultou o mediador deste caso e concedeu aos estados mais algumas horas para finalizarem os seus acordos, acrescentando ainda que sem a aprovação de todos, ela pode permitir que os estados opositores continuem o processo. Eric Green, o mediador, afirmou que os procuradores-gerais de alguns estados permanecem muito desfavoráveis, apesar das alterações obtidas pelos seus colegas, refere a AP.



Entre o grupo de estados que indicaram que iriam assinar o acordo que o Departamento de Justiça negociou, incluem-se a Carolina do Norte, o Ohio, o Illinois, o Michigan, o Kentucky e Nova Iorque, segundo fonte anónima contactada pela agência. De acordo com a AP, os estados que parecem estar a pressionar para continuar a lutar no tribunal são o Connecticut, o Iowa, a Califórnia e o Massachusetts.



Durante conversações efectuadas ontem, vários Estados conseguiram alcançar novas cedências por parte da Microsoft num acordo paralelo. Deste modo, a empresa terá que revelar aos concorrentes detalhes técnicos sobre o funcionamento do seu software para servidores.

Notícias Relacionadas:

2001-11-05 - Estados satisfeitos com o acordo entre a Microsoft e o DOJ

2001-11-02 - Caso Microsoft com resolução à vista

2001-10-15 - Mediador intervém no processo de antitrust da Microsoft

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.