A Motorola vai encaixar 350 milhões de dólares com a venda à Emerson de uma unidade dedicada ao desenvolvimento de produtos e serviços de computação embutidos.


A unidade, que dirige os seus produtos e serviços a fabricantes de equipamentos e de infra-estruturas de comunicações para as indústrias de telecomunicações, imagiologia médica, defesa e espacial vai passar a integrar a divisão de Network Power da Emerson e reforçar a presença da empresa num mercado que vale cerca de 6 mil milhões de dólares.



A Motorola explica que a venda lhe permitirá aumentar o foco nos negócios core, onde o fabrico de equipamentos móveis assume lugar de destaque. Recorde-se que a Motorola é a segunda fabricante mundial de telemóveis, logo a seguir à Nokia.



A Emerson foca a sua actividade no desenvolvimento de equipamentos e tecnologias para aumentar a eficiência de processos de fabrico e prevê que ainda antes do final do ano o negócio com a Motorola esteja concluído.



Notícias Relacionadas:

2005-06-30 - Motorola adquire propriedade intelectual e equipa de I&D da Sendo

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.