A Nokia Siemens está à procura de compradores para os seus ativos não core, afirmou o CEO da joint venture, Rajeev Suri, acrescentando que há negociações em curso.

Depois de ter vendido três divisões no último trimestre, a empresa pretende desfazer-se de mais algumas áreas de negócio que considera não serem estratégicas, para se focar no negócio de redes móveis, justificou o presidente executivo em declarações à Bloomberg.

"Estamos já a negociar com os compradores a venda de alguns activos", disse Rajeev Suri em entrevista. "Estamos a colocar outros activos em modo de manutenção, alocando os investimentos a outros segmentos", acrescentou.

O responsável já tinha dito em novembro que a empresa ia recuar em algumas áreas para se dedicar às redes móveis e aos serviços, com o objetivo de se tornar mais competitiva, numa altura em que os resultados financeiros não têm sido favoráveis.

Nessa altura, anunciou igualmente, como parte deste processo de reestruturação, a eliminação de cerca de 17.000 postos de trabalho, divulgado em novembro, número que corresponde a cerca de um quarto (23%) da força de trabalho da joint venture, que assim estima poupar 1.000 milhões de euros.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Patrícia Calé

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.