E se cada automóvel, táxi ou transporte público se transformasse num hotspot, fornecendo acesso à Internet a empresas e consumidores, e criando uma infraestrutura de baixo custo que pode ser usada por empresas de telecomunicações? A ideia foi definida por quatro estudantes no projeto Veniam e acaba de vencer a terceira edição do Building Global Innovators, um concurso de empreendedorismo promovido pelo ISCTE em parceria com o MIT.

Já na terceira edição, este é o maior concurso de empreendedorismo de base tecnológica em Portugal, sobretudo se olharmos aos valores dos prémios atribuídos: 100 mil euros na fase das finais, entregues a quatro projetos, a que se somam mais 100 mil para o vencedor da grande final, um valor que pode ainda ser duplicado se forem atingidas as metas de execução da estratégia de negócio.

João Barros, Susana Sargento, Robin Chase e Roy Russell assinam o projeto Veniam e já tinham sido escolhidos na final na área de Sistemas Sustentáveis de Energia e Transporte, sendo na altura acompanhados pela RDFixer, faces.in e D-Orbit, também vencedores nas restantes categorias.

[caption]Nome imagem[/caption]

Terminada a fase de seleção os quatro projetos avançam agora para a chamada fase empresa que tem uma duração prevista de 1 a 3 anos e que pretende apoiar a angariação de capital adicional e a concretização da ideia. De acordo com a organização, nesta fase cada empresa deverá ter condições para angariar financiamento no valor de 1 a 5 milhões de euros.

Na cerimónia de entrega dos prémios Gonçalo Amorim, diretor do programa MPP-IEI, anunciou que no final da sessão que está garantida a continuidade do concurso, definindo o arranque para a quarta edição já a 14 de março deste ano. As candidaturas decorrem até 1 de maio.

O Fundo Caixa Empreender+ vai continuar a apoiar a segunda fase do programa durante mais 5 edições.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.