O dia 2 de março de 2017 fica para a história como o dia em que a Snap, empresa que detém o conhecido serviço Snapchat, entrou em bolsa. O mercado NYSE permite, agora, a transacção de ações de uma das empresas tecnológicas que mais atenção tem gerado nos últimos tempos.

Explica o Recode que a última grande entrada em bolsa de uma tecnológica foi há dois anos quando a gigante chinesa Alibaba passou a transacionar ações. Em 2012, o "todo-poderoso" Facebook entrou em bolsa e cresceu para um valor de mercado à volta dos 100 milhões de dólares no seu dia de estreia.

Na oferta pública inicial, a Snap vendeu as suas ações a 17 dólares, cerca de 16,16 euros, tendo avaliado a empresa em 25 mil milhões de dólares, cerca de 23,7 mil milhões de euros. Na abertura da sessão, as ações da Snap atingiram os 25,42 dólares, cerca de 24,17 euros, e a empresa ultrapassou os 33 mil milhões de dólares de avaliação.

O normal será que, até ao final do dia de transações, o valor desça. O mais habitual é que a euforia vá diminuindo, para além de que os investidores já fizeram um bom dinheiro com este crescimento superior a 47% no valor das ações. Atualmente, a Snap tem 1.859 empregados e cerca de 158 milhões de utilizadores ativos.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.