A Sun Microsystems revelou os dados financeiros referentes ao quarto trimestre e ao seu ano fiscal, que acabou ontem. Os resultados superaram as expectativas ao ter terminado o trimestre com rendimentos na ordem dos 3,835 mil milhões de dólares. As receitas anuais fixaram-se nos 13,87 mil milhões de dólares, o que corresponde a um aumento de 6,2 por cento face aos resultados do ano fiscal passado.




Os lucros trimestrais da empresa cifraram-se nos 329 milhões de dólares, enquanto que, em termos anuais se fixaram nos 473 milhões de dólares. É de salientar que os resultados anuais de 2006 davam conta de perdas na ordem dos 864 milhões de dólares.




Jonathan Schwartz, presidente e CEO da Sun, refere em comunicado que os resultados positivos foram conseguidos através de "uma estratégia sólida e uma execução consistente que permitiram concretizar o compromisso da empresa em alcançar uma margem operacional de 14 por cento no quarto trimestre".




O responsável adianta ainda que os valores obtidos constituem um progresso significativo para o plano de crescimento a longo prazo da empresa que pretende alcançar margens operacionais de 10 por cento até ao final do ano fiscal de 2009.




Após registar resultados menos positivos durante cinco trimestres consecutivos, a Sun conseguiu superar essa tendência e voltou a subir durante o segundo e terceiro trimestre fiscal deste ano. Os números foram potenciados pela renovação da linha de produtos oferecida pela empresa, pela venda de servidores equipados com chips AMD e Intel, entre outras.




O corte de pessoal da empresa, que levou ao despedimento de cerca de 5 mil funcionários na tentativa de reduzir os custos da empresa, foi outra das medidas que empurrou os resultados de forma positiva.




Notícias Relacionadas:

2007-01-22 - Sun Microsystems adopta processadores Intel nos seus servidores

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.