As portas estão abertas e o acesso é livre, porque se quer que o público venha conhecer o melhor do que se faz em tecnologias da informação, comunicação e eletrónica em Portugal no Techdays. O evento realiza-se pela segunda vez em Aveiro, mas agora com um novo alinhamento e maior abrangência de áreas, e o objetivo é garantir a sua continuidade.

Na sessão de abertura, que decorreu esta manhã no Parque de Exposições de Aveiro, José Ribau Esteves, presidente da Câmara Municipal de Aveiro, falou da importância da aposta nas tecnologias para o desenvolvimento económico e qualidade de vida dos cidadãos, e da relevância de organizações como a Universidade de Aveiro e da Altice Labs, entre outras entidades que têm vindo a desenvolver projetos nas áreas do município.

A PT aproveitou mesmo o evento para lançar uma nova iniciativa que liga a PT Empresas e a Altice Labs, o prémio PT Inovação, que pretende distinguir o talento e empreendedorismo na área das tecnologias, telecomunicações e eletrónica.

Segundo José Ribau Esteves, o Techdays é “uma peça de uma estratégia com múltiplos componentes”, alguns dos quais estão ainda em desenvolvimento como a localização do polo e incubadora de empresas da região de Aveiro e o Parque de Ciência e Tecnologia. Ainda assim não escondeu os problemas que existem, quer em garantir as necessárias aprovações como os investimentos para pôr esta máquina em marcha, sobretudo quando as estratégias governamentais mudam.

Igualmente presente na sessão de abertura, João Vasconcelos, secretário de estado da indústria, optou por mostrar a sua satisfação em se associar ao evento e felicitar a Câmara Municipal e os seus parceiros pela organização do TechDays, lembrando que quando falamos de desenvolvimento tecnológico “Aveiro é absolutamente incontornável no panorama nacional”.

O secretário de Estado recordou alguns dos exemplos de inovação que saíram da Universidade de Aveiro, classificada entre as melhores do Mundo, referindo que em termos de empreendedorismo o distrito foi, em 2015, responsável por 8% das empresas criadas em Portugal. Destacou ainda as várias iniciativas desenvolvidas pelo Governo para apoio ao empreendedorismo e a inovação, alinhando as que estão em curso com o financiamento disponível nesta área e projetos que estão em concretização, entre os quais o cofinanciamento com Capitais de Risco e com Business Angels.

João Vasconcelos defendeu que é a esta nova geração de empreendedores portugueses que está a criar emprego e que a eles pertence muito do mérito de se ter conseguido atrair para Portugal a organização do Web Summit nos próximos três anos, um evento que representa muitas oportunidades em várias áreas e que dinamiza também uma série de eventos paralelos. “Estão já previstos para novembro mais de 100 eventos paralelos, desde o Surf Summit que acontece na Ericeira na semana anterior ao Web Summit, ao Lisboa Global Forum”, que vai trazer à capital centenas de líderes mundiais de governos, empresas e sociedade civil.

O secretário de Estado deixou ainda o convite a todos os presentes para participarem no evento que a Startup Portugal está a organizar com o Web Summit para o próximo dia 21 de setembro em Lisboa, no Convento do Beato. É aqui que serão selecionadas as 66 statups que vão representar Portugal no evento, e que funcionará como um workshop para que as empresas tirem o maior proveito do Web Summit.

Dois pavilhões e várias conferências

No espaço do Techdays no Parque de Exposições de Aveiro há mostras e stands de diferentes dimensões, mas por vezes é nos espaços mais pequenos que se descobrem as novidade mais interessantes. Entre as empresas e organizações que marcam lugar na exposição destacam-se a Portugal Telecom e a Altice Labs, a Visabeira Global e a gfi, entre outras entidades como o Instituto de Telecomunicações e muitas startups ligadas à região, mas também a Polícia de Segurança Pública e o Exército.

A sessão de abertura e a visita oficial de inauguração à feira canalizou a atenção da maioria dos visitantes no primeiro dia de TechDays. Durante a manhã o movimento foi escasso e algumas das sessões de pitch e as demonstrações planeadas foram adiadas, ou canceladas, mas a agenda prevê ainda um volume significativo de conferências e workshops marcados para o dia de hoje, amanhã e dia 17 de setembro, todos com entrada livre.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.