A verba vai ser aplicada na criação de um centro de investigação e desenvolvimento em Silicon Valley, que começará a funcionar em janeiro e que nos próximos anos deverá empregar até 200 colaboradores, entre investigadores e engenheiros.

O novo Toyota Research Institute estará focado na diminuição do gap entre investigação fundamental e desenvolvimento de produtos e dedicará a maior parte dos seus esforços a projetos que explorem formas de fazer homens e máquinas trabalharem em conjunto, sobretudo no domínio da mobilidade.

Com este investimento a Toyota espera descobrir novas respostas para tornar a condução mais segura e prevenir acidentes, mas também estará focada em projetos que ajudem a melhorar a vida dos seniores, tirando partido da robótica.

Nenhuma das áreas é uma novidade nos esforços de investigação da fabricante japonesa, que agora reforça a aposta nestes domínios em estreita ligação com dois centros de investigação importantes: MIT e Stanford University.  

 

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.