Depois da abertura de escritórios e dos acordos de parcerias, a WeDo Consulting vai apostar este ano na internacionalização "por via da aquisição", indicou Rui Paiva, CEO da consultora, esta manhã, em conferência de imprensa. São três as empresas que neste momento constituem a short list resultante de um processo de selecção, duas da Europa e uma da América do Sul.



Da short list de empresas seleccionadas,"todas da área das telecomunicações, com actividades concorrentes ou complementares às da WeDo", referiu Rui Paiva, poderá sair mais do que um negócio, fazendo duplicar a dimensão da consultora. As negociações deverão ficar concluídas ainda durante este trimestre. "Em 2006 vamos crescer de forma orgânica, mas também por via da aquisição. Tal vai permitir-nos uma dinâmica de crescimento que nos transforma numa referência de mercado", afirmou o responsável.



A estratégia de 2006 para o mercado nacional passará maioritariamente pelo alargamento da oferta actual de produtos WeDo Consulting a outras áreas de actividade. "Sabemos que o conceito de Revenue Assurance pode ser aplicável a outros sectores além das telecomunicações, como a banca, ou as finanças", explicou.



No "melhor ano de sempre", segundo Fernando Videira, CFO da WeDo, a consultora registou receitas operacionais consolidadas de 24,6 milhões de euros em 2005, num crescimento de 18,3 por cento face aos 20,8 milhões de euros de 2004. As receitas fora do grupo Sonae cresceram 23 por cento, mantendo o ritmo de crescimento face a 2004.



A WeDo Consulting registou uma rentabilidade positiva pelo quinto ano consecutivo, tendo a empresa atingido um EBITDA consolidado de 3,4 milhões de euros, representativos de uma margem de 14 por cento face ao volume de negócios. "Melhorámos em todos os indicadores, de performance, de rentabilidade. Batemos todos os recordes", fez questão de salientar Fernando Videira.



Em 2006, a WeDo Consulting deverá manter os níveis de crescimento que registou em 2005, tanto no mercado nacional, como internacional, indicaram os responsáveis da consultora.





Notícias Relacionadas:

2005-09-06 - WeDo Consulting encerra primeiro semestre com receitas de 11,4 milhões de euros

2005-03-01 - Resultados financeiros da WeDo Consulting melhoram em 2004 e reforçam aposta na internacionalização

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.