A primeira ronda de audições termina no próximo dia 11 de fevereiro, mas a comissão de inquérito já terá alinhado um conjunto de novos nomes que quer ouvir no Parlamento, garante o jornal Público.



De acordo com o diário, figuram da lista os dois responsáveis máximos da Portugal Telecom, à data do investimento de quase 900 milhões de euros na Rioforte: Zeinal Bava, que foi presidente da PT Portugal até ao verão de 2014 e Henrique Granadeiro, CEO e presidente do conselho de administração da Portugal Telecom até ao passado mês de agosto. Nos próximos dias os dois gestores deverão ser contactados para agendar as audições.



Zeinal Bava chegou a comentar publicamente o polémico investimento da PT na Rioforte, que mudou o rumo à fusão com a Oi e abriu a porta ao desfecho recente dos ativos da empresa, que acabaram nas mãos da Altice.



Bava, que trocou o cargo de CEO na PT pela mesma posição na Oi, em 2013, recusou responsabilidades na operação. Henrique Granadeiro, numa carta enviada recentemente à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários desmentiu as declarações e garantiu que Bava foi responsável pelo investimento.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.